Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Soajo em Notícia

Este blogue pretende ser uma “janela” da Terra para o mundo. Surgiu com a motivação de dar notícias atualizadas de Soajo. Dinamizado por Rosalina Araújo e Armando Brito. Leia-o e divulgue-o.



Terça-feira, 31.01.17

Montaria com chuva e sem caça grossa (ver fotorreportagem)

IMG_8430.JPG

A chuvosa manhã de domingo, 29 de janeiro, concentrou, na Casa do Povo de Soajo, perto de quarenta caçadores, mais os matilheiros, com os olhos postos na terceira montaria da presente época cinegética.

Alimentado o estômago com o calórico mata-bicho, e depois de um pequeno compasso de espera, a comitiva organizou-se e convergiu para as portas sorteadas na mancha de Ramil, onde as condições climáticas estiveram longe de ser as mais propícias.

Mesmo sem caça grossa, não faltou, depois, ao cair da noite, o salutar convívio à mesa, onde a feijoada foi a “rainha” dos saberes e sabores da Terra.

A montaria foi organizada pelo Clube de Caça e Pesca de Soajo, que é presidido por António Cerqueira.

A última batida ao javali, na presente temporada, realiza-se no próximo dia 12 de fevereiro.

IMG_8422.JPG

IMG_8274.JPG

IMG_8262.JPG

IMG_8265.JPG

IMG_8275.JPG

IMG_8287.JPG

IMG_8298.JPG

IMG_8308.JPG

IMG_8314.JPG

IMG_8316.JPG

IMG_8273.JPG

IMG_8419.JPG

IMG_8420.JPG

IMG_8429.JPG

IMG_8424.JPG

IMG_8425.JPG

IMG_8436.JPG

IMG_8432.JPG

IMG_8317.JPG

IMG_8456.JPG

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Soajo em Notícia às 18:29

Segunda-feira, 30.01.17

Oficina de pintura fez fluir várias expressões artísticas

IMG_8454.JPG

A Escola Básica Eira do Penedo recebeu, este domingo, 29 de janeiro, uma oficina de pintura, que juntou Mutes (nome artístico de César Amorim), Sónia Rodrigues, Dila Moniz, Nuno Mokuna (que “carrega” o nome do pai, o multifacetado “Zé Mokuna” ou José Barbosa da Costa) e vários voluntários locais (de diversas idades).

Com a ajuda dos mestres, foram pintadas duas telas: uma contendo elementos visuais naturais (flora e fauna características do território); a segunda fruto da fusão de pinturas, que foram fluindo espontaneamente através da expressão artística dos presentes.

A atividade foi organizada por Soajo em Movimento ConVida.

IMG_8335.JPG

IMG_8328.JPG

IMG_8331.JPG

IMG_8332.JPG

IMG_8351.JPG

IMG_8343.JPG

IMG_8347.JPG

IMG_8348.JPG

IMG_8370.JPG

IMG_8355.JPG

IMG_8408.JPG

IMG_8358.JPG

IMG_8392.JPG

IMG_8376.JPG

IMG_8381.JPG

IMG_8384.JPG

IMG_8369.JPG

IMG_8394.JPG

IMG_8395.JPG

IMG_8398.JPG

IMG_8448.JPG

IMG_8452.JPG

IMG_8444.JPG

IMG_8441.JPG

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Soajo em Notícia às 18:32

Domingo, 29.01.17

“Apagão” da MEO deixou clientes sem TV e sem Internet

meo_006.jpg

O “apagão” da MEO afetou largas dezenas de clientes em Soajo e freguesias vizinhas, que, de 21 a 23 de janeiro, ficaram sem televisão e sem Internet. A avaria, com especial impacto em Soajo, causou forte transtorno e a situação, na maioria dos casos, só foi normalizada ao fim de 48 horas.

Só este mês de janeiro foram registadas, localmente, duas avarias da MEO. Com muita indignação à mistura, foram inúmeras as chamadas e reclamações para o departamento técnico da operadora que, apesar de lamentar os incómodos causados, nunca adiantou uma hora para o restabelecimento dos serviços. Uma vez reposta a normalidade, muitos dos clientes que contactaram a operadora reclamaram o ressarcimento do valor relativo ao serviço não prestado, sendo provável que alguns venham a mudar de operadora. A MEO, no entanto, escudou-se no facto de não terem excedido 48 horas de inoperacionalidade para não indemnizar os clientes (nem desconto na fatura nem reparação dos prejuízos estimados).

Certo é que o “apagão” prejudicou particulares e ainda mais os empresários do ramo de comércio e bebidas que, não dispondo de serviço TV, nomeadamente a SPORT TV e outros canais contratualizados (BTV, por exemplo), deixaram de ter a habitual clientela de fim de semana, que é espetadora, via TV, dos jogos do campeonato português (e não só).

Este foi, possivelmente, o mais grave “apagão” registado no território, pela duração da ocorrência e pelos prejuízos causados.

Desconhece-se o motivo concreto desta avaria, porque a Portugal Telecom/MEO não emitiu comunicado sobre o assunto.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Soajo em Notícia às 17:50

Quinta-feira, 26.01.17

Soajo vai ser candidatado ao prémio “7 Maravilhas de 2017”

DSC02650.JPG

Foi decidido pela Assembleia de Freguesia. Soajo vai concorrer ao prémio “7 Maravilhas de 2017”.

Apesar de não constar da ordem de trabalhos, a Assembleia de Freguesia de Soajo, de 21 de janeiro último, aprovou, por unanimidade, a proposta de candidatar Soajo ao referido galardão. O chefe de Divisão Sociocultural da Câmara de Arcos de Valdevez, Nuno Soares, através do presidente da Junta de Freguesia de Soajo, transmitiu caráter de urgência, devido aos prazos apertados, e a proposta acabou submetida a votação, tendo os eleitos aprovado a candidatura.

O prémio (estreado em 2007), após um interregno de cinco anos, volta em 2017, e, desta vez, é consagrado às “Aldeias de Portugal”. A concurso estão sete categorias: Aldeias com História, Aldeias de Mar, Aldeias Ribeirinhas, Aldeias Rurais, Aldeias Remotas, Aldeias Autênticas e Aldeias em Áreas Protegidas. De acordo com o regimento, qualquer entidade pública ou privada pode candidatar uma aldeia a várias categorias.

O período de candidatura começou no dia 14 de dezembro de 2016 e prolonga-se até março de 2017. Um júri de especialistas terá a missão de, até 7 de março, proceder a uma pré-seleção do património submetido a concurso. A exemplo das anteriores edições, a eleição definitiva das “7 Maravilhas das Aldeias de Portugal” será apurada por votação do público.

Sob o lema “puxar pelo interior”, pretende este concurso premiar as aldeias transformando-as em produtos turísticos. Segundo o presidente da iniciativa, o prémio de 2017 “foi idealizado como um projeto inspirador para valorizar um Portugal desconhecido e que tem muitas oportunidades”, diz Luís Segadães, acrescentando que as edições anteriores deste projeto tiveram impacto direto no turismo, fazendo disparar, por exemplo, as visitas ao Mosteiro de Alcobaça em cerca de 40%, após este belo exemplar arquitetónico ter sido selecionado, em 2007, na categoria “7 Maravilhas de Portugal”.

“2017 vai mesmo ser o ano das aldeias”

“Não tenho dúvidas de que as ‘Aldeias de Portugal’ vão gerar resultados de grande visibilidade como tivemos no passado, e os portugueses vão participar massivamente”, assegura Segadães, que exorta cada região a “beneficiar da comunicação que se vai fazer à volta destes patrimónios e puxar o seu orgulho para cima, contribuindo para gerar muita votação. Portugal está cheio de aldeias e muitas estão no interior. […] Merecem ser desenvolvidas e representam uma força muito grande do país, pelo que 2017 vai mesmo ser o ano das aldeias”, vaticina o responsável.

Das edições de 2007, 2009, 2010, 2011 e 2012, o único “título” que consagrou este território foi o (prémio) atribuído ao Parque Nacional (em 2010), na categoria “7 Maravilhas Naturais de Portugal”, numa seleção final que incluiu a Floresta Laurissilva, as Grutas de Mira de Aire, a Lagoa das Sete Cidades, o Portinho da Arrábida, a Ria Formosa e a Paisagem Vulcânica do Pico.

19214432_a4wQG.jpeg

Soajo1.jpg

20061076_Myiwd.jpeg

19435940_gSqNg.jpeg

15937181_600672383451854_2938403834016895956_o.jpg

19346334_q7GtC.jpeg

IMG_2626.JPG

IMG_1333.JPG

IMG_1251.JPG

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Soajo em Notícia às 18:32

Quarta-feira, 25.01.17

Montaria na mancha do Ramil

bvcvf.JPG

O Clube de Caça e Pesca de Soajo organiza, no próximo domingo, 29 de janeiro, a terceira montaria na presente época cinegética. O grupo de monteiros e matilheiros vai bater a mancha do Ramil.

A concentração está marcada para as 8.30/9.00 na Casa do Povo, onde os participantes terão direito ao tradicional mata-bicho.

Segundo o presidente do Clube de Caça e Pesca, “estão já inscritas cerca de quarenta pessoas”, sendo de prever a participação de sessenta, tantas quantas as portas desta montaria, que vai cobrir, sensivelmente, 300 hectares.

Como é costume, a jornada cinegética termina à mesa, desta vez no salão da Casa do Povo, onde será servido uma feijoada “recheada”, promete António Cerqueira (Catito).

A presente temporada inclui nova montaria (a última) no dia 12 de fevereiro.

imgpsh_fullsize.jpg

Nota: A foto que encima a notícia é de arquivo.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Soajo em Notícia às 18:39

Pág. 1/5



Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Janeiro 2017

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031