Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Soajo em Notícia

Este blogue pretende ser uma “janela” da Terra para o mundo. Surgiu com a motivação de dar notícias atualizadas de Soajo. Dinamizado por Teresa Araújo, Rosalina Araújo e Armando Brito. Leia-o e divulgue-o.



Quarta-feira, 09.08.17

Listas completas à Assembleia de Freguesia de Soajo

33.jpgExpirou, no passado dia 7 de agosto, o prazo de entrega das listas de candidatos às eleições autárquicas do próximo outono (1 de outubro). De todos os partidos/coligações com representação nos órgãos municipais, a CDU foi a primeira força política a formalizar o processo no passado dia 3 de agosto, enquanto as restantes forças reservaram o último dia (7) para instrução do expediente legal junto do juiz competente.

No que a Soajo diz respeito, como este blogue já tinha noticiado, há três candidaturas ao próximo ato eleitoral, protagonizadas por MSI (Movimento Soajeiro Independente), PSD (Partido Social Democrata) e CDU (Coligação Democrática Unitária).

Eis as listas de candidatos à Assembleia de Freguesia de Soajo:

. MSI – Cristina Martinho, Fernando Gomes, António Brasileiro, Maria Branco, Vítor Covelo, Manuela Jorge, Edgar Belchior, Manuel Tibeiro Fernandes, Gracinda Araújo, Patrícia Martins, Hernâni Machado, Gracinda Pires e Félix Fernandes.

Mandatário: Diamantino Pedro

. PSD – Manuel Barreira da Costa, Luísa Gomes, António Cerqueira, António Alves, Jacqueline Fidalgo, João Fernandes Morgado, Valdemar Freitas, Dorinda Domingues e Manuel Gomes Capela.

Suplentes – António Barbosa, Ana Maria Quintas, João Martins Pereira, Manuel Maceira Moreira, Diane da Costa, João Manuel Tibeiro e Paulo Esteves Pedro.

Mandatário: Hélder Barros 

. CDU – Sandra Barreira, António Enes Domingues, Rosalina Araújo, Virgílio Barreira, Rui Araújo, Teresa Araújo, Ana Teresa Lage, Vasco Domingues e Telma Martins.

Suplentes: Manuel Lage, Bruna Costa, Susana Fernandes, Manuel Abelheira, António Barros Neto e Alexandre Lage.

Mandatário: António Amorim

 ***

Nota: Por uma questão ética, não colaboraram na redação desta peça nem Rosalina Araújo nem Teresa Araújo – ambas são candidatas, pela CDU, à Assembleia de Freguesia de Soajo.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Soajo em Notícia às 18:10

Quarta-feira, 09.08.17

Conheça o projeto soajeiro que no âmbito do OPP pretende “criar uma marca de vestuário” a partir de lã e linho

IMG_7776.JPG

No quadro do Orçamento Participativo Portugal (OPP), decorre, até 10 de setembro próximo, a fase de votação pelos cidadãos nos projetos preferidos do OPP, cuja lista foi publicada no passado dia 6 de junho. O OPP é um projeto do Poder Central inscrito no programa do Governo PS.

O projeto “Moinhos de Água”, que também está a votação desde 7 de junho, é da autoria do soajeiro António Amorim. Tem âmbito regional (norte) e inscreve-se na área cultural.

Segundo o proponente, “o projeto consiste na recuperação de moinhos tradicionais movidos a água para os transformar num museu vivo, com ênfase em ciclos de atividade agrícola, nomeadamente ciclo do milho e centeio, ciclo do vinho, ciclo do linho e da lã. Nestes moinhos, far-se-á o aproveitamento da energia através da água, que será autossuficiente para diversas utilizações. Serão criadas oficinas de trabalho onde serão produzidas peças de artesanato, ligadas a diversas áreas, como, por exemplo, peças em lã, linho e artesanato. Em alguns desses moinhos funcionavam oficinas abertas ao público, de modo a partilhar saberes e experiências”, explica António Amorim.

“Com as peças produzidas em lã e linho, pretende-se criar uma marca de vestuário que seja capaz de transparecer a identidade do Alto Minho. Cremos que o valor máximo a afetar a este projeto não deverá exceder os 200 mil euros, tendo em conta os meios e recursos a afetar ao mesmo, e tendo em conta um período de execução de 24 meses”, estima António Amorim.

Recorde-se que a fase de apresentação de propostas para o OPP terminou no passado dia 19 de abril, tendo Arcos de Valdevez recebido, no dia 13 de janeiro, um dos encontros mais produtivos a nível nacional (as três sessões que originaram mais ideias desenvolveram-se em Alenquer, com 57 propostas, Aveiro (54) e Arcos de Valdevez (51)).

Ao longo de 49 sessões abertas, foram feitas 1021 propostas. Por temas, a área da cultura, com 416 ideias, foi a que recebeu mais propostas.

A apresentação pública dos oito projetos vencedores, resultantes da votação feita pelos cidadãos nos projetos do OPP, será efetuada no próximo mês de setembro.

O OPP tem disponível um montante de 3 milhões de euros.

 

Nota - Pode votar no projeto "Moinhos de Água" através do seguinte url: https://opp.gov.pt/listas-provisorias/projetos-para-votacao/46-moinhos-de-agua

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Soajo em Notícia às 18:05


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Agosto 2017

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031