Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Soajo em Notícia

Este blogue pretende ser uma “janela” da Terra para o mundo. Surgiu com a motivação de dar notícias atualizadas de Soajo. Dinamizado por Rosalina Araújo e Armando Brito. Leia-o e divulgue-o.


Sexta-feira, 17.08.18

Convívio do emigrante este sábado

IMG_0752

A Casa do Povo de Soajo recebe, este sábado, 18 de agosto (pelas 19.30), o tradicional convívio do emigrante. A iniciativa, que todos os anos no estio reforça o sentimento de pertença à Terra, antecede o regresso dos emigrantes aos respetivos países de acolhimento.

O encontro, como de costume, terá um menu a condizer: entradas, massa com rojões, arroz de sarrabulho, sobremesa e, claro, muito convívio.

Após a degustação dos sabores típicos de Soajo, a festa ficará a cargo dos tocadores de concertina que, de modo espontâneo, animarão um concorrido bailarico.

A entrada custa 10 euros por pessoa.

Foto de arquivo (Convívio de 2016)

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Soajo em Notícia às 18:35

Quinta-feira, 16.08.18

Vila de Soajo ao rubro no grande dia de encerramento das Festas (ver fotorreportagem)

IMG_2315

O programa religioso das Festas da Vila de Soajo terminou em grande esta quarta-feira, 15 de agosto, com a igreja sobrelotada de fiéis para a missa solene, seguida de procissão (em honra de Nossa Senhora das Dores), anunciada à população, por volta das 12.30, com o rebentamento de foguetes.

A encabeçar a “coluna” do longo cortejo, com muitos figurados, lá estava a Cruz Paroquial, seguida, por esta ordem, de Rancho Folclórico das Camponesas da Vila de Soajo, andores, estandartes, Corpo de Deus, pálio, banda e, por fim, o imenso grupo de devotos, com as mulheres a entoarem cânticos pelas ruas, em sinal de veneração. Como de costume, novos e velhos, residentes e emigrantes, entre outros, acompanham a procissão pelo itinerário habitual e, no regresso ao templo, voltam a rezar.

Também a animação assinalou o quarto dia de festividades. Os grandes destaques residiram na atuação da Banda de Música de Bingre (Canelas) e no festival folclórico (com participação dos dois ranchos de Soajo), que arrancaram muitas palmas à assistência.

Inaugurações

Com quatro anos de atraso, foi inaugurada a escultura comemorativa dos 500 anos do Foral de Soajo (remonta a 1514). A cerimónia, integrada no programa de festas e à qual se associou o Rancho Folclórico das Camponesas da Vila de Soajo, decorreu sob iniciativa da Câmara Municipal e da Junta de Freguesia, que, assim, materializaram a ideia lançada, pela CDU, no mandato anterior, em sede de Assembleia de Freguesia.

Na placa explicativa (onde falta uma nota na língua universal), lê-se que o artista Fernando Cerqueira “se inspirou na pintura renascentista de Miguel Ângelo. Nesta escultura em bronze, sobressai o encontro das mãos de Deus e de Adão, existente na famosa Capela Sistina, assim como a mão do rei D. Manuel I, que emerge da concha, segurando o Foral Novo por si outorgado. Na extremidade, observa-se a outra mão que termina com a forma de um gavião, símbolo da serra de Soajo e da liberdade.

Paralelamente, a Carta do Foral ergue-se como um ceptro a simbolizar o poder régio, o rebordo da Carta equipara-se ao relevo da serra e à ondulação do mar, símbolo das Descobertas portuguesas do século XVI.

Ao comprimento, lê-se a expressão latina Deo in celo tibi avtem in mvundo (‘A Deus no céu e a ti na terra’), divisa de D. Manuel I, que é uma analogia perfeita entre o poder de Cristo e o de Rei”.

Nos discursos da praxe, o grande destaque vai para a intervenção do presidente da Junta, cujas ideias essenciais são reproduzidas a seguir:

“[…] Com esta inauguração, damos por terminados [os festejos] dos 500 anos do Foral de Soajo. […] É um monumento para os soajeiros e para os munícipes de Arcos de Valdevez.

[…] Nas últimas décadas, desde a década de setenta do século passado, o nome de Soajo, bem como o da serra, foi um bocado esquecido. Muitos dos nossos usos e costumes foram delapidados com obras como a da barragem e o Parque Nacional nunca nos pediu para estarmos dentro do Parque […], com eles, só temos deveres, enquanto os nossos direitos são esquecidos.

Eu gosto muito de Soajo. Se já não podemos fazer nada por aquilo que foi mal feito no passado, teremos de estar muito atentes em relação àquilo que virá a seguir.

[…] Conseguir um lar de idosos para Soajo é muito importante. […] Temos cerca de 45 pessoas espalhadas pelos vários concelhos, é uma vergonha uma freguesia como Soajo ainda não ter um lar de idosos! Não temos, talvez, por culpa de alguém no passado que não quis, mas nós agora queremos! E estamos todos empenhados nisso!

Contamos com o senhor presidente da Câmara para fazer aquilo que nos prometeu. Se não o fizer, lá estaremos a subir as escadas, mais uma vez, para relembrar o que nos prometeu”, concluindo-se que Manuel Barreira da Costa já teve necessidade de ir aos Paços do Concelho “refrescar” a memória do edil quanto aos projetos “engavetados”.

Também sob iniciativa da Câmara e da Junta de Freguesia, procedeu-se, no mesmo dia 15, à inauguração de placas promocionais de Soajo, que são importantes pontos de informação e de orientação para quem está de visita ao território.

A colocação das placas em locais estratégicos – Novás, Reigada e Fontelas – tem o objetivo de captar planos privilegiados das idílicas paisagens que atravessam Soajo.

Comissão de festas

A comissão de festas desta romaria foi constituída por Vítor Manuel Fidalgo Gonçalves, Manuel José Rodrigues, António Amorim, Alexandre Manuel do Canto e Alexandre Barreira Esteves.

IMG_2250

IMG_2180

IMG_2194

IMG_2186

IMG_2206

IMG_2198

IMG_2213

IMG_2210

IMG_2220

IMG_2218

IMG_2235

IMG_2233

IMG_2242

IMG_2238

IMG_2174

IMG_2244

IMG_2252

IMG_2267

IMG_2272

IMG_2271

IMG_2278

IMG_2277

IMG_2281

IMG_2280

IMG_2305

IMG_2282

IMG_2306

IMG_2257

IMG_2262

IMG_2265

IMG_2582

IMG_2397

IMG_2333

IMG_2405

IMG_2330

IMG_2378

IMG_2335

IMG_2420

IMG_2406

IMG_2410

IMG_2439

IMG_2431

IMG_2471

IMG_2464

IMG_2484

IMG_2526

IMG_2607

IMG_2602

IMG_2614

IMG_2610

IMG_2548

IMG_2534

IMG_2558

IMG_2561

tuerytyu

wrttrqwrt

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Soajo em Notícia às 18:36

Terça-feira, 14.08.18

Povo adora as Festas da Vila de Soajo (ver fotorreportagem)

10612690_10153086010479745_2673370929445181682_n

De 12 a 15 de agosto, sobem a primeiro plano as Festas da Vila de Soajo em honra de Nossa Senhora de Fátima, Santo António, São Sebastião e Nossa Senhora das Dores. A romaria com data fixa no calendário estival junta residentes, emigrantes e turistas.

O domingo, 12, teve um diversificado conjunto de atividades o dia todo. Logo de manhã, o ribombar sincopado do grupo ‘Os Amigos de Lindoso’ anunciou, com grande clamor, os quatro dias de festa. Depois do almoço, na Casa do Povo, decorreu o torneio de sueca – com trinta jogadores inscritos – que o par constituído por António Barreira da Costa e Joaquim Couto venceu. Pelo meio, foi inaugurada a exposição de pintura do soajeiro Albino Enes (15 quadros). À noite, o programa festivo continuou no Largo do Eiró com o concerto do grupo ‘As Cantadeiras de Soajo’ e o desfile de rugas.

Entretanto, para os fiéis, o ponto alto deste dia de arranque foi a procissão de velas em honra de Nossa Senhora de Fátima. Aliás, durante estes dias, o povo de Soajo, e não só, venera os santos que dão nome ao programa litúrgico: as procissões são sempre bastante participadas e as mesmas servem para fazer e cumprir promessas.

O cartaz do segundo dia de festividades ocorrido ontem, segunda-feira (13 de agosto), foi dominado por três momentos: missa e procissão em honra de Nossa Senhora de Fátima, os cantares ao desafio com ‘Manuel Leiras e Amigos’ e o espetáculo noturno da ‘Banda Património’.

Por seu lado, o programa desta terça-feira, 14 de agosto, reserva como grandes destaques os jogos tradicionais (durante a tarde), a procissão de velas em honra de Nossa Senhora das Dores (21.00) e a atuação do grupo ‘Réplica 7’ (22.00), sendo esta intercalada com a tradicional sessão de fogo-de-artifício (00.00).

O dia (Santo e feriado) de encerramento da romaria, que é esta quarta-feira (15 de agosto), tem como cabeças-de-cartaz a missa solene (11.00), seguida procissão em honra de N.ª Senhora das Dores, com andores e figurados, o concerto da Banda de Música de Bingre de Canelas no Largo de Eiró (15.00), a inauguração da escultura alusiva aos 500 anos do Foral de Soajo (21.00) e o festival de folclore (21.30), com o Rancho Folclórico das Camponesas da Vila de Soajo, o Rancho Folclórico de Fortios (Portalegre), o Rancho Folclórico ‘As Tricanas’ de Differdange (Luxemburgo), o Rancho Folclórico do Alto Minho dos Residentes em Andorra e o Rancho Folclórico da Associação dos Amigos de Vilarinho das Quartas.

imgpsh_fullsize (5)

IMG_1862

38939049_456203934893964_2598607359001493504_n

IMG_1265

IMG_1370

IMG_1306

IMG_1267

IMG_1271

IMG_1289

IMG_1284

IMG_1298

IMG_1291

IMG_1301

IMG_1343

IMG_1341

IMG_1348

IMG_1365

IMG_1361

IMG_1314

IMG_1312

IMG_1321

IMG_1330

IMG_1324

IMG_1337

IMG_1335

IMG_1877

IMG_1867

IMG_1883

imgpsh_fullsize (3)

imgpsh_fullsize (4)

imgpsh_fullsize

IMG_1881

imgpsh_fullsize (2)

ttretwr

imgpsh_fullsize (8)

imgpsh_fullsize

imgpsh_fullsize (1)

imgpsh_fullsize (2)

imgpsh_fullsize (3)

imgpsh_fullsize (4)

imgpsh_fullsize (5)

imgpsh_fullsize (6)

imgpsh_fullsize (7)

39098034_457781524736205_2533936082215501824_n

39062242_457579431423081_5901727012543791104_n

39059830_457579104756447_1379087163789934592_n

39068293_457579508089740_2974912013857193984_n

39075687_457579601423064_7542532711504674816_n

39075715_457579204756437_2632564293861638144_n

39077877_457579828089708_4087944417724334080_n

39080128_457579911423033_5375660481618903040_n

39087602_457579694756388_7001343166938873856_n

39099533_458317831349241_7124776730274824192_n

39105828_457579344756423_7056960656959864832_n

39113396_457579758089715_5754149724345073664_n

wteuuh

euyeyt6

imgpsh_fullsize (1)

imgpsh_fullsize (2)

imgpsh_fullsize (3)

imgpsh_fullsize (4)

imgpsh_fullsizeFotos: Soajo em Notícia, António Neto, Teresa Araújo, Júlio Araújo e Rosa Enes

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Soajo em Notícia às 18:32

Segunda-feira, 13.08.18

“O futuro da Várzea é a morte”, mensagem que sobressalta do filme “A Aldeia Solitária”

IMG_1114

“Uma casa na floresta, […] uma aldeia na serra, uma criança”. Esta curta passagem retirada do filme A Aldeia Solitária, que foi exibido na sobrelotada Casa do Povo de Soajo, no passado dia 11 de agosto, resume os dois tópicos que dominam a curta-metragem: a experiência de infância que Manuel Rodas conta no livro Manual de Ramil e, de modo (mais) prevalecente, a “morte” da Várzea, pré-anunciada pelo bispo D. Abílio Ribas, como consequência do “êxodo rural” e da imparável “desertificação”, que, afinal, marcam a interioridade de Portugal.

Com grande realismo, o realizador Carlos Silveira explicou os condicionalismos e as virtudes que avultam no filme.

“Trabalhei com habitantes de Soajo sem qualquer experiência em filmes. Tem de se saber ser ator, há uma dicção e o saber dizer as coisas. Isso não foi possível fazer neste filme e, por isso, há uma certa ingenuidade nestes personagens. Alguns críticos de cinema podem não gostar, mas a verdade é que eu quis, acima de tudo, transformar o filme em algo de autêntico. A autenticidade só seria possível com a inclusão de pessoas de Soajo”.

No período destinado à participação do público, foi realçado o facto de ser “de grande mestria cinematográfica o equilíbrio entre o pessimismo trágico […] e a história da infância” pela “esperança” que esta anuncia.

Vale o que vale, mas o filme A Aldeia Solitária já foi selecionado para quatro festivais.

Entretanto, antes da sessão de cinema, foi apresentada a reedição do livro Por Soajo, de José de Sousa Rodas (natural da Várzea).

“A republicação deve-se ao facto de passarem em 2018 cem anos desde o nascimento do autor [antigo guarda-florestal]”, assim justificou Manuel Rodas o motivo de a (re)apresentação livresca ter sido colada à exibição da película.

José de Sousa Rodas foi correspondente e, no dizer do filho Manuel, “um defensor dos interesses de Soajo” durante décadas no jornal A Vanguarda. Nos longínquos anos cinquenta e sessenta do século passado, germinam da pena dele propostas antes do tempo, como uma “comissão de melhoramentos para a freguesia de Soajo”.

Por fim, Manuel Rodas elogiou o legado que a obra do pai transfere para futuros trabalhos de antropologia cultural.

“[O volume] Por Soajo permite perceber como era Soajo, por isso, quem quiser escrever a história de Soajo tem de ler necessariamente este livro”, avisou Manuel Rodas.

Uma nota final: segundo apurou o blogue Soajo em Notícia, a Junta de Freguesia de Soajo não foi convidada para participar institucionalmente neste ato público e, por isso, o executivo local não se fez representar à mesa por nenhum dos eleitos.

Visualizar o filme em: https://vimeo.com/282409564

IMG_1068

IMG_1101

IMG_1096

IMG_1111

IMG_1112

IMG_1116

IMG_1113

IMG_1082

IMG_1100

IMG_1133

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Soajo em Notícia às 18:37

Sexta-feira, 10.08.18

Programa completo das festas da Vila de Soajo que começam no próximo domingo

IMG_0404

A vila de Soajo já está ornamentada para as festividades em honra de N.ª Sr.ª de Fátima, St.º António, S. Sebastião e N.ª Senhora das Dores que se realizam de 12 a 15 de agosto.

O programa, que alia o sagrado ao profano, reserva vários momentos de especial significado, sendo justo destacar a abertura da Exposição de Pintura de Artistas Soajeiros no dia 12; os cantares ao desafio com Manuel Leiras e Amigos no dia 13; a recriação de vários jogos tradicionais (petanca, corda e pau-de-sebo) e a procissão de velas em honra de Nossa Senhora das Dores no dia 14; e o festival folclórico na quarta-feira, 15, dia em que está prevista a inauguração da escultura alusiva aos 500 anos do Foral de Soajo (21.00), por iniciativa da Câmara e da Junta de Freguesia.

O programa completo das festas é o seguinte:

. 12 de agosto – Alvorada com música gravada (9.00); arruada do grupo de bombos “Os Amigos de Lindoso” (10.00); torneio de sueca na Casa do Povo (14.00); inauguração da Exposição de Pintura de Artistas Soajeiros (15.00); procissão de velas em honra de N.ª Sr.ª de Fátima (21.00); atuação do grupo ‘As Cantadeiras de Soajo’ e rusgas no Largo do Eiró (22.00).

. 13 de agosto – Alvorada com música gravada (9.00); entrada do grupo de bombos “Os Amigos de Lindoso” (9.30); missa e procissão em honra de N.ª Sr.ª de Fátima (11.00); cantares ao desafio com Manuel Leiras e Amigos (17.00); atuação do grupo ‘Banda Parimónio’ no Largo do Eiró (22.00).

. 14 de agosto – Alvorada com música gravada (9.00); missa em honra de Santo António (11.00); arrematação de oferendas (12.00); jogos tradicionais: petanca, corda e pau-de-sebo (15.00); procissão de velas em honra de Nossa Senhora das Dores (21.00); atuação do grupo ‘Réplica 7’ (22.00); sessão de fogo-de-artifício no Campo da Feira (00.00); continuação da atuação de grupo ‘Réplica 7’ (00.15).

. 15 de agosto – Alvorada com música gravada (9.00); entrada da Banda de Música de Bingre de Canelas (9.30); missa solene e procissão em honra de Nosse Senhora das Dores, com andores e figurados (11.00); concerto pela Banda de Música no Largo de Eiró (15.00); entrega das festas (17.00); inauguração da escultura alusiva aos 500 anos do Foral de Soajo (21.00); festival folclórico (21.30) com os seguintes grupos: Rancho Folclórico das Camponesas da Vila de Soajo; Rancho Folclórico de Fortios (Portalegre), Rancho Folclórico ‘As Tricanas’ de Differdange (Luxemburgo), Rancho Folclórico do Alto Minho dos Residentes em Andorra e Rancho Folclórico da Associação dos Amigos de Vilarinho das Quartas.

Constituem a comissão de festas Alexandre Barreira Esteves, Alexandre Manuel do Canto, António Amorim, Patrícia Martins e Vítor Manuel Fidalgo Gonçalves.

Nota: foto de arquivo (Soajo em Notícia). 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Soajo em Notícia às 17:27


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Agosto 2018

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031