Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Soajo em Notícia

Este blogue pretende ser uma “janela” da Terra para o mundo. Surgiu com a motivação de dar notícias atualizadas de Soajo. Dinamizado por Rosalina Araújo e Armando Brito. Leia-o e divulgue-o.



Quarta-feira, 19.09.18

Encontros transfronteiriços a pensar no desenvolvimento

612664395a40232133447d33247d383739313633343430Foi assinado, esta terça-feira, 18 de setembro, o Tratado de Fronteiras entre os municípios de Arcos de Valdevez, Melgaço e Entrimo. A cerimónia realizou-se na Mistura das Águas (lado galego).

Noutro plano, realiza-se, no próximo dia 25 de setembro, em Lobios um encontro que juntará à mesa os municípios que compõem o Parque Transfronteiriço, do qual Soajo é um dos grandes expoentes. Os concelhos que compõem esta Reserva estão empenhados no desenvolvimento de ações conjuntas para a preservação do ambiente e a promoção do turismo sustentável.

Em reuniões de trabalho anteriores, os representantes dos municípios de Lobios, Arcos de Valdevez, Ponte da Barca e Terras de Bouro assinaram um certificado de reconhecimento da fronteira com vários pontos de acordo.

Os concelhos em questão, tendo o Parque Transfronteiriço como grande mote, pretendem fortalecer a cooperação com vista ao desenvolvimento económico e turístico.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Soajo em Notícia às 18:35

Terça-feira, 18.09.18

Dia de apresentações na Escola de Soajo anuncia continuidade do projeto “Quem somos, onde estamos”

imgpsh_fullsize (4)Esta segunda-feira, 17 de setembro, foi o primeiro dia do novo ano letivo (2018/2019) para a comunidade educativa da Escola Básica de Eira do Penedo/Jardim-de-Infância.

Os alunos do 1.º ciclo e os meninos do ensino pré-primário, acompanhados pelos pais e encarregados de educação, ficaram a par das regras de funcionamento, do pano curricular, bem como dos horários a vigorar a partir de hoje. Pelo coordenador da escola de Soajo, Fernando Jorge de Melo Gomes (Joca), e pela vereadora da Educação, Emília Cerdeira, insistiu-se no empenho das respetivas instituições para que o ano letivo venha a decorrer da melhor maneira.

Os alunos inscritos no pré-escolar (oito no total, mais um do que no ano letivo transato) têm como professora Helena Morais, que transita do ano anterior.

No que diz respeito ao 1.º ciclo, sem surpresa, continuará a funcionar, na mesma, uma turma com quatro níveis de escolaridade. Será, sem dúvida, um desafio para a professora Lúcia Cardoso, que substitui a colega Maria de Fátima, a quem foi concedida, este ano escolar, licença sabática para desenvolver um projeto, por vídeoconferência, em Coimbra.

Os 15 alunos matriculados no 1.º ciclo são, na sua grande maioria, de Soajo, havendo, porém, estudantes provenientes de Ermelo e da Gavieira (Rouças e Tibo), duas freguesias vizinhas que, em tempos, pertenceram ao (extinto) concelho de Soajo.

As 23 crianças, do pré-escolar e do 1.º ciclo, com a supervisão das professoras contratadas, darão prosseguimento ao projeto “Quem somos, onde estamos”, iniciado há um ano.

Prestará aos alunos todo o apoio necessário a assistente operacional, Ana Quintas.

A Junta de Freguesia de Soajo fez-se representar, nesta cerimónia de boas-vindas, pela secretária, Sandra Barreira, e pelo tesoureiro, Fernando Gomes.

imgpsh_fullsize (7)

imgpsh_fullsize (8)

imgpsh_fullsize (5)

imgpsh_fullsize (1)

imgpsh_fullsize

imgpsh_fullsize (3)

imgpsh_fullsize (6)

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Soajo em Notícia às 18:40

Segunda-feira, 17.09.18

Rancho de Vilarinho das Quartas brilhou no XXIII Desfile Nacional do Traje Popular Português

41794925_1807120452674492_6186036143683796992_n

O Rancho Folclórico da Associação dos Amigos de Vilarinho das Quartas participou no XXIII Desfile Nacional do Traje Popular Português, que se realizou no passado sábado, 15 de setembro, em Gondomar. A testemunhar o papel de preservação dos trajes populares, a coletividade de Vilarinho das Quartas mostrou de forma afirmativa o trabalho que tem vindo a fazer, há anos, no campo da pesquisa e da recriação etnográficas.

O primeiro grande momento do Rancho soajeiro ficou a cargo do grupo de mulheres que cantou e apresentou o quadro de tecelagem, lembrando a todos os presentes que os tecidos de tear foram a base de traje popular no Alto Minho. Depois, outros figurinos do Rancho de Vilarinho representaram os trajes domingueiros e os lavradores abastados, para além dos quadros de montanha.

Ao todo, o desfile, organizado pela Federação do Folclore Português, contou em palco com perto de 1300 participantes, “embaixadores” das várias regiões etnográficas de Portugal. A Direção Regional de Cultura do Norte fez-se representar nesta organização pelo diretor, António Ponte.

O público que encheu a bancada instalada na Avenida 25 de Abril aplaudiu a festa do traje.

41971015_1968185753225084_4403881795406266368_n

41938954_1807805159272688_3794703223487463424_n

41765490_1806734959379708_6118209728087588864_n

41878307_1806494842737053_975955155360940032_n

41829223_1807805132606024_5651386481395105792_n

41787129_2027718790593138_5625534287261466624_n

41894047_1808284972558040_5790528479594283008_n

41843220_1808283155891555_8907109985415069696_n

41926449_1807844895935381_5638265502334713856_n

42110610_1807805149272689_5029420962907422720_n

41832527_2116086941756595_126564538660159488_n

41869856_1807129069340297_2122660240267673600_n

41853854_1807129079340296_7169501474563555328_n

41793152_1807129229340281_5265607330547892224_n

41860739_2116090345089588_226986307174268928_n

41922928_2116089431756346_6854030985596502016_nFotos: Câmara Municipal de Gondomar e Rancho Folclórico da Associação dos Amigos de Vilarinho das Quartas

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Soajo em Notícia às 18:34

Sexta-feira, 14.09.18

Novo ano letivo arranca no dia 17 de setembro com algumas novidades

19205711_jJn2Z

A receção aos alunos do pré-escolar ao secundário decorre no próximo dia 17 de setembro nas várias unidades do Agrupamento de Escolas de Valdevez (AEV).

Eis os horários de especial interesse para a comunidade educativa de Soajo:

. Escola Básica de Eira do Penedo, Soajo: pré-escolar e 1.º ciclo, das 10.00 às 12.00.

. Escola Básica 2,3 e Secundária de Arcos de Valdevez: 2.º e 3.º ciclos do ensino básico, das 14.00 às 15.30; ensino secundário (regular e profissional), das 15.30 às 17.00.

. Escola Básica Prof. António Melo Machado: 1.º ciclo, das 10.00 às 12.00.

Entretanto, o ano letivo 2018/2019 regista algumas novidades, a seguir resumidas (as principais apenas): a tutela alargou a gratuitidade dos manuais escolares aos alunos do 2.º ciclo; cada escola dispõe de flexibilidade curricular em relação aos primeiros anos de cada ciclo (1.º, 5.º, 7.º e 10.º anos), permitindo às instituições uma gestão de 25% do currículo (disciplinas anuais podem tornar-se semestrais, por exemplo); a nota de Educação Física volta a contar para a média final, mas esta mudança será gradual, indo este ano aplicar-se apenas aos alunos do 10.º ano.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Soajo em Notícia às 18:32

Quinta-feira, 13.09.18

Cláusulas do contrato pesam a desfavor dos Baldios na reversão do Hotel do Mezio

HM

Na Assembleia de Freguesia de Soajo, ocorrida no passado dia 7 de setembro, voltou a discutir-se o contrato do Hotel do Mezio assinado ao tempo em que Manuel Barreira da Costa era presidente da Junta e do Conselho Diretivo dos Baldios de Soajo.

A deputada Cristina Martinho expôs algumas cláusulas para demonstrar que o acordado “prejudica os interesses de Soajo”. “Se o Hotel não quiser renovar o contrato ao fim dos 19 anos, os compartes têm de pagar o edifício na sua totalidade e terão ainda de pagar à sociedade superficiária pelas construções edificadas o valor resultante da avaliação de tais construções, bem como as plantações (árvores, arbustos e outros espécies) feitas no terreno pela sociedade concessionária, […] montante [a apurar por um oficial revisor de contas] acrescido de uma compensação à superficiária no valor de 5% sobre o volume de negócios médio nos últimos cinco anos anteriores ao termo do contrato”, explica a presidente do Conselho Diretivo dos Baldios de Soajo com base na redação do contrato.

Para além desta dupla penalização (valor do imóvel e percentagem de lucros da unidade hoteleira), “caso o citado pré-aviso de 36 meses não seja cumprido, o valor desta compensação será de 10% sobre o mesmo volume médio de negócios”, acrescentou Cristina Martinho.

O presidente da Junta, o grande visado nas críticas em relação ao que está consignado no contrato, retorquiu assim:

“[Os Baldios] têm um contrato assinado no notário, façam-no cumprir, vocês têm tudo para fazer cumprir o contrato que está aí, e não é verdade o que [Cristina Martinho] disse: os Baldios têm direito de opção, no caso de o Hotel fechar e ser colocado à venda. E, ainda sobre o Hotel do Mezio, nunca fiz nada que não tivesse sido aprovado por maioria pela Assembleia de Freguesia”, salientou Manuel Barreira da Costa, rogando que o assunto fosse suscitado futuramente em Assembleia de Compartes e não em sede de Assembleia de Freguesia.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Soajo em Notícia às 18:31



Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Setembro 2018

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30