Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Soajo em Notícia

Este blogue pretende ser uma “janela” da Terra para o mundo. Surgiu com a motivação de dar notícias atualizadas de Soajo. Dinamizado por Rosalina Araújo e Armando Brito. Leia-o e divulgue-o.

Soajo em Notícia

Este blogue pretende ser uma “janela” da Terra para o mundo. Surgiu com a motivação de dar notícias atualizadas de Soajo. Dinamizado por Rosalina Araújo e Armando Brito. Leia-o e divulgue-o.

A Associação do Desenvolvimento Rural Integrado do Lima (ADRIL) promoveu, no passado dia 30 de julho, uma sessão de esclarecimento sobre as linhas de financiamento do programa +CO3SO Emprego (cujas candidaturas abriram a 22 de julho), destinadas a apoiar a criação de postos de trabalho. Esta medida, com uma dotação de aproximadamente 1 230 000 euros nos concelhos da Ribeira Lima, está dividida em três avisos: +CO3SO Emprego Interior, +CO3SO Empreendedorismo Social e +CO3SO Emprego Urbano. A gestão do programa pertence aos Grupos de Ação Local (GAL).

Na abertura da ação informativa, que decorreu no auditório da In.Cubo, o presidente da ADRIL, Francisco Calheiros, referiu que “este programa vai ter um grande sucesso, havendo já três candidaturas apresentadas [que totalizam 380 mil euros] aos incentivos previstos”. Ao abrigo do +CO3SO Emprego, “será atribuído um apoio ao longo de trinta meses sob a forma de subvenção não reembolsável (a fundo perdido), para comparticipar integralmente os custos diretos com os postos de trabalho criados (salários e contribuições para a Segurança Social a cargo do empregador), bem como um adicional de 40% sobre esses mesmos custos”, disse Célia Capitolina.

O financiamento “está disponível para micro, PME e para entidades da economia social como IPSS, associações, fundações, entre outras”, acrescentou a técnica.

A apresentação de candidaturas deve ser submetida através de formulário eletrónico no Balcão Portugal 2020 (portal https://www.portugal2020.pt/Balcao2020/), em duas fases, a primeira com data limite a 16 de setembro de 2020 e a segunda a 17 de novembro de 2020.

Dos três avisos, só o +CO3SO Emprego Urbano não se aplica a freguesias do interior ou de baixa densidade como Soajo.

+CO3SO Emprego Interior

Destina-se aos territórios de baixa densidade (incluindo Soajo, naturalmente), quando são criados até três novos postos de trabalho. Por cada trabalhador contratado o apoio é de até 1900,60 euros por mês, perfazendo 57 017 euros ao fim de trinta meses.

As ajudas podem atingir os 2280 euros por mês, o equivalente a 68 400 euros em trinta meses, nas seguintes situações: criação de emprego em novas empresas (com início de atividade há menos de cinco anos); criação de emprego para pessoas com condições especiais (beneficiários do RSI, vítimas de violência doméstica, refugiados, sem-abrigo, entre outros); criação de emprego na sequência de investimentos de emigrantes.

+CO3SO Empreendedorismo Social

Tem em vista apoiar a criação de postos de trabalho em iniciativas de empreendedorismo social. Quando criados até três postos de trabalho, o apoio máximo por cada novo trabalhador é de cerca de 2200 euros por mês, totalizando, ao fim de trinta meses, cerca de 66 mil euros.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.