Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Soajo em Notícia

Este blogue pretende ser uma “janela” da Terra para o mundo. Surgiu com a motivação de dar notícias atualizadas de Soajo. Dinamizado por Rosalina Araújo e Armando Brito. Leia-o e divulgue-o.

Soajo em Notícia

Este blogue pretende ser uma “janela” da Terra para o mundo. Surgiu com a motivação de dar notícias atualizadas de Soajo. Dinamizado por Rosalina Araújo e Armando Brito. Leia-o e divulgue-o.

sf.jpg

O território de Soajo e as restantes freguesias do concelho que pertencem ao Parque Nacional vão ser contemplados com duas novas brigadas do Corpo Nacional de Agentes Florestais (CNAF), constituídas por cinco elementos cada (há representação soajeira nessas equipas). Também os concelhos de Ponte da Barca, Melgaço, Terras de Bouro e Montalegre serão reforçados com duas brigadas CNAF. As viaturas e as equipas vão ser apresentadas no próximo dia 30 de junho no Mezio.

Recorde-se que o Ministério da Agricultura anunciou, no passado dia 20 de junho, a constituição de vinte equipas de sapadores florestais, que devem iniciar funções na primeira quinzena de julho.

Estas duas dezenas de brigadas, a distribuir pelo território nacional, resultam do concurso aberto no passado mês de março. A partir do Inventário Florestal Nacional, e considerando a relação de área de intervenção afeta a cada brigada com a taxa de ocupação florestal, o concelho de Arcos de Valdevez será reforçado com duas equipas, que terão como objetivos, entre outros, a prevenção de incêndios florestais, a preservação das riquezas naturais que povoam o Parque Nacional e a primeira intervenção em incêndios florestais. 

Estas duas brigadas implicam um custo estimado de 130 mil euros, valor financiado, integralmente, pelo Fundo Florestal Permanente.

Funções a desempenhar pelas novas brigadas florestais

Gestão de combustíveis; ações de silvicultura; acompanhamento na realização de fogos controlados; realização de queimadas; manutenção e beneficiação da rede divisional e de faixas de gestão de combustíveis; manutenção e beneficiação de infraestruturas; ações de controlo e eliminação de agentes bióticos; campanhas de sensibilização; vigilância das áreas a que as equipas estão adstritas e primeira intervenção em incêndios florestais.

Foto: Internet

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.