Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Soajo em Notícia

Este blogue pretende ser uma “janela” da Terra para o mundo. Surgiu com a motivação de dar notícias atualizadas de Soajo. Dinamizado por Rosalina Araújo e Armando Brito. Leia-o e divulgue-o.

Soajo em Notícia

Este blogue pretende ser uma “janela” da Terra para o mundo. Surgiu com a motivação de dar notícias atualizadas de Soajo. Dinamizado por Rosalina Araújo e Armando Brito. Leia-o e divulgue-o.

Chegou a Portugal em 2011 e, passados nove anos, parece impossível de erradicar a vespa-asiática (ou velutina), que prolifera nos núcleos rurais do Alto Minho, onde constrói laboriosos ninhos, de grandes dimensões, em sítios altos, geralmente na copa de árvores, e de preferência em locais com água e com colmeias nas proximidades. Distingue-se da vespa-europeia pela coloração do abdómen (mais escuro e com uma lista amarela) e pelas patas (amarelas, no caso das velutinas). É carnívora e predadora das abelhas, arrasando os enxames nas próprias colmeias.

Além das armadilhas artesanais (à base de soluções fermentadas) que capturam muitas vespas-asiáticas (e que vários apicultores soajeiros já utilizam), é fundamental que a destruição dos ninhos seja feita através de veneno largado no próprio ninho com a ajuda de uma cana extensível (depois de envenenado, o ninho é destruído), e não por meio de queima, porque com este método todas as vespas velutinas que estiverem no exterior podem ser potenciais rainhas e fazer novos ninhos, favorecendo a propagação da espécie.

A deteção ou a suspeita de existência de ninho de vespa-asiática deverá ser comunicada à Proteção Civil Municipal ou à Junta de Freguesia de Soajo, bem como através do preenchimento do stopvespa.icnf.pt (disponível em smartphone), do acesso ao site www.sosvespa.pt. ou da linha SOS Ambiente (808 200 520).

Foto | Página da Junta da União das Freguesias de Arcos de Valdevez (Salvador), Vila Fonche e Parada

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.