Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Soajo em Notícia

Este blogue pretende ser uma “janela” da Terra para o mundo. Surgiu com a motivação de dar notícias atualizadas de Soajo. Dinamizado por Rosalina Araújo e Armando Brito. Leia-o e divulgue-o.



Segunda-feira, 11.06.18

Grande Festival Folclórico de Vilarinho das Quartas no Dia de Portugal (ver fotorreportagem)

IMG_9999

O Rancho Folclórico da Associação dos Amigos de Vilarinho das Quartas festejou o seu oitavo ano de existência, levando a efeito, no Dia de Portugal, o seu já habitual Festival anual, desta vez com cinco grupos. Para além do rancho aniversariante, também pisaram o palco o Grupo Folclórico ‘A Rusga de Arcozelo’ (Vila Nova de Gaia), o Grupo Folclórico Casa do Povo de Creixomil (Guimarães), o Rancho Etnográfico de Touguinha (Vila do Conde) e o Grupo Folclórico das Lavradeiras de S. Pedro de Merufe (Monção),

Após a apresentação das cinco coletividades, os anfitriões entregaram a cada uma das delegações um exemplar dos icónicos espigueiros de Soajo (em miniatura), seguindo-se o tradicional momento dos discursos da praxe, com Fernando “Capela” Gomes, Elisa Alves, Manuel Barreira da Costa, Emília Cerdeira e Joaquim Cerqueira de Brito a proferirem palavras superlativas em relação ao grupo da “casa”. Mas a Junta de Freguesia passou das palavras aos gestos e ofereceu ao Rancho de Vilarinho um apoio pecuniário como prenda de aniversário.

Encerrado este momento, o Rancho anfitrião e os convidados de honra espraiaram a festa e a alegria ao largo tendo como pretexto as “modas”, as danças e os cantares tradicionais, alguns dos quais fortemente associados aos trabalhos do campo.

O céu estava “carregado”, mas S. Pedro quase deu uma trégua para que o festival decorresse de feição. O espetáculo abriu com uma representação/reconstituição dos trabalhos no campo, ou não fosse a lavoura o dia-a-dia dos antigos em Soajo. Depois da pequena “dramatização”, o Rancho de Vilarinho das Quartas, que junta várias gerações, “puxou” pelo talento para desfiar uma sequência de bonitas modas: da Cana Verde passada ao Ramo, do Salto à Senhora da Peneda, da Serrinha à Chula, da Coxa à Estricana… De tudo um pouco se viu com a graciosidade e o engenho tão característicos deste Rancho soajeiro, entre modas em roda, outras com relação ao trabalho no campo e outras ainda que resultaram da pesquisa/recolha etnográfica feita pelo grupo.

Se dúvidas houvesse, o Rancho de Vilarinho, com a sua bonita estúrdia, está bem vivo e, como referiu a delegada da Federação do Folclore Português, Elisa Alves, “é um digno representante da cultura do Alto Minho” (ver “Discursos”). E, com os vários elementos infanto-juvenis que o compõem, tem o futuro mais do que assegurado. Isso quer dizer que os avós, os pais, os tios e os irmãos mais velhos transmitem a cultura e estão a passar as tradições de geração em geração.

Com o calendário apertado de romarias a aproximar-se, o Rancho de Vilarinho das Quartas tem tudo o que é preciso para continuar a “carregar”, com exibições de gala, o nome de Soajo aonde quer que vá, como aconteceu no passado sábado, 9 de junho, em Santa Maria da Feira.

 ***

Discursos

. “Parabéns ao Rancho de Vilarinho por estes oito magníficos festivais e por não deixarem morrer as nossas tradições à volta das danças e cantares da Terra. Somos um lugar pequeno, mas o folclore faz de nós grandes”. (Fernando “Capela” Gomes, presidente da Associação de Vilarinho das Quartas)

. “O Rancho Folclórico de Vilarinho das Quartas já é sócio aderente da Federação do Folclore Português (FFP), esperamos que, em breve, passe a sócio efetivo para fazermos a cerimónia de entrada de sócio para a FFP. O concelho de Arcos de Valdevez tem 12 ou 13 grupos, mas só dois fazem parte da FFP. O Município tem de olhar um bocadinho para este panorama: porque é que há tantos grupos e só dois é que são federados? Ao contrário de outros grupos, que usam trajes garridos e só representam a romaria, este grupo de Vilarinho das Quartas tem roupas serranas representativas do povo e da cultura de Soajo. E é isto que os grupos dos Arcos têm de representar. Temos de fazer uma autoanálise para pensar e ver se andamos a subsidiar grupos que representam o nosso concelho ou o concelho vizinho. As pessoas têm de olhar para o seu folclore como a cultura do seu povo e a dos seus antepassados, e não representar o que é mais bonito.

Estou com muito agrado em Vilarinho, sinto muito orgulho neste grupo pelo trabalho que tem desenvolvido, sem dúvida um digno representante da cultura do Alto Minho e de Arcos de Valdevez. (Elisa Alves, em representação da Federação do Folclore Português)

. “O Rancho de Vilarinho faz agora oito anos, algumas pessoas diziam que, quando se mudou para Vilarinho, não ia durar três meses. Os três meses são longos, já lá vão oito anos! E não vai acabar, porque o Rancho de Vilarinho está cada vez melhor! Vocês são bons em cima do palco! Trago um pequeno cheque para entregar ao presidente do Ranho, é um donativo da Junta de Freguesia de Soajo”. (Manuel Barreira da Costa, presidente da Junta de Freguesia de Soajo)

. “Quero deixar um incentivo para que continuem a fazer o bom trabalho, preservando as tradições e passando esses conhecimentos para os vindouros”. (Emília Cerdeira, vereadora do Associativismo)

. “Quando estou em Vilarinho, ou seja, em Soajo, sinto-me em casa. Sempre fui muito bem acarinhado e tenho uma grande paixão por este território. O Rancho de Vilarinho é um exemplo daquilo que deve ser o folclore, consegue ir às raízes profundas e é genuíno. E é isso que é belo. Vilarinho, Soajo e Arcos de Valdevez merecem este esforço. (Joaquim Cerqueira de Brito, presidente da Casa do Concelho de Arcos de Valdevez em Lisboa)

 

IMG_9470

IMG_9467

IMG_9480

IMG_9483

IMG_9485

IMG_9493

IMG_9499

IMG_9501

IMG_9506

IMG_9516

IMG_9508

IMG_9495

IMG_9511

IMG_9512

IMG_9521

IMG_9530

IMG_9571

IMG_9533

IMG_9570

IMG_9629

IMG_9575

IMG_9626

IMG_9627

IMG_9638

IMG_9640

IMG_9663

IMG_9661

 

IMG_9670

IMG_9665

IMG_9696

IMG_9701

IMG_9712

IMG_9698

IMG_0021

IMG_0022

IMG_9961

IMG_9963

IMG_9965

IMG_9715

IMG_9733

IMG_9719

IMG_9723

IMG_9731

IMG_9987

IMG_9967

IMG_9969

IMG_9973

IMG_9991

IMG_9986

IMG_9968

IMG_9989

IMG_9990

IMG_9993

IMG_9995

IMG_9998

IMG_9798

IMG_9766

IMG_9752

IMG_9753

IMG_9756

IMG_9804

IMG_9769

IMG_9782

IMG_9794

IMG_9745

IMG_9823

IMG_9808

IMG_9812

IMG_9815

IMG_9821

IMG_9832

IMG_9824

IMG_9826

IMG_9858

IMG_9829

IMG_9839

IMG_9834

IMG_9836

IMG_9837

IMG_9838

IMG_9831

IMG_9853

IMG_9855

IMG_9856

IMG_9857

IMG_9869

IMG_9859

IMG_9860

IMG_9935

IMG_9865

IMG_9883

IMG_9871

IMG_9873

IMG_9874

IMG_9875

IMG_9868

IMG_9886

IMG_9887

IMG_9896

IMG_9925

IMG_9931

IMG_9956

IMG_9936

IMG_0012

IMG_9938

IMG_9953

IMG_9966

IMG_9960

IMG_9983

IMG_9939

IMG_0006

IMG_0007

IMG_0008

IMG_0018

IMG_0015

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Soajo em Notícia às 17:00


1 comentário

De Anónimo a 12.06.2018 às 03:41

parabens ao rancho de Vilarinho , totalmente de acordo com as palavras da representante da FFP , em parte já tenho tido e dito opiniao semelhante , e que as vezes me leva a ter descordancias da parte de amigos meus quando afirmo que é o rancho mais jenuino do nosso concelho. espero que a vossa inclusao ,como efetivos da FFP se concretize rapidamente poi bem o meressem
Abraco vosso admirador PAULO PEREIRA

Comentar post



Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Junho 2018

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930