Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Soajo em Notícia

Este blogue pretende ser uma “janela” da Terra para o mundo. Surgiu com a motivação de dar notícias atualizadas de Soajo. Dinamizado por Rosalina Araújo e Armando Brito. Leia-o e divulgue-o.

Soajo em Notícia

Este blogue pretende ser uma “janela” da Terra para o mundo. Surgiu com a motivação de dar notícias atualizadas de Soajo. Dinamizado por Rosalina Araújo e Armando Brito. Leia-o e divulgue-o.

O pão-de-ló de Soajo é candidato às “7 Maravilhas Doces de Portugal”, concurso que será dedicado, este ano, à doçaria tradicional portuguesa.

Para além da iguaria soajeira, o Município leva a concurso também o bolo de discos, os charutos de ovos e os rebuçados dos Arcos. A este respeito, a edilidade arcuense em comunicado anuncia a candidatura das quatro iguarias, mas a nota de imprensa original não estava ilustrada com o famoso doce de Soajo, ao contrário do que sucedia com os restantes sabores, lapso, entretanto, emendado.

O processo de eleição segue o modelo de anos anteriores, de onde sairá uma lista de 49 pré-finalistas, sete por cada região do país. Os 49 doces pré-finalistas serão votados pelo público, para eleger as “7 Maravilhas Doces de Portugal”, um doce por cada uma das sete regiões de Portugal.

Nas votações decisivas de edições anteriores, sabe-se que tem havido municípios a investir avultadas somas para a almejada coroação, desvirtuando um pouco o espírito do concurso. A propósito deste assunto, no ano findo, o deputado Jorge Lage denunciou a situação em sede de Assembleia Municipal.

“A Câmara de Arcos de Valdevez investiu [na compra de votos] para que Sistelo fosse uma Maravilha”, acusou o tribuno do PS, difundindo uma ideia que já circulava, há muito tempo, na praça pública. Na resposta, o presidente da Junta de Sistelo não desmentiu a imputação.

A organização das “7 Maravilhas” emparceira uma Comissão, que é liderada por Luís Segadães, e a RTP.

Fotos: O+económico, Câmara Municipal e Soajo em Notícia