Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Soajo em Notícia

Este blogue pretende ser uma “janela” da Terra para o mundo. Surgiu com a motivação de dar notícias atualizadas de Soajo. Dinamizado por Rosalina Araújo e Armando Brito. Leia-o e divulgue-o.

Soajo em Notícia

Este blogue pretende ser uma “janela” da Terra para o mundo. Surgiu com a motivação de dar notícias atualizadas de Soajo. Dinamizado por Rosalina Araújo e Armando Brito. Leia-o e divulgue-o.

Já é conhecida a primeira seleção dos doces alto-minhotos a concurso nas “7 Maravilhas Doces de Portugal”, resultado de um processo de escolha por parte de um painel de especialistas, que reduziu a lista para 21 doces no distrito de Viana do Castelo.

Ora, com base nas nomeações conhecidas esta semana, como já era de esperar, o pão-de-ló de Soajo (na categoria “Doce de Território”) é pré-finalista. Também os rebuçados dos Arcos (“Doce de Território”) e os charutos dos Arcos (“Doces Festivos”) avançam, de igual modo, para a fase seguinte. Já o bolo de discos foi excluído pelo painel de sete especialistas.

Agora que está estabelecida a lista de 21 doces por cada distrito e por cada região autónoma, o painel de especialistas procederá, seguidamente, a nova votação para reduzir a sete doces, que serão posteriormente apresentados para votação pelo público.

Os doces que concorrem às “7 Maravilhas Doces de Portugal” estão organizados em sete categorias – para além dos referidos “Doces de Território” e “Doces Festivos”, estão a concurso as classes “Biscoitos e Bolos Secos”, “Bolo de Pastelaria”, “Doce de Colher e Doce à Fatia”, “Doces de Fruta e Mel” e “Doces de Inovação” –, refletindo a “tradição doceira em Portugal, bem como a capacidade de inovação, desde que associada à utilização de produtos endógenos”, lê-se no portal da organização.

Nesta fase, estão apurados 420 doces de Portugal (incluindo arquipélagos dos Açores e da Madeira).

Fotos: Página Pão-de-ló de Soajo